Roteiro: Onde ir no Alto da XV | App Onde Ir Curitiba
Background Image

Roteiro: Onde ir no Alto da XV

Localizado no leste de Curitiba, o bairro Alto da XV leva esse nome por causa da rua XV de Novembro, que, nessa área tem maior elevação. No século 19, segundo o IPPUC (Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba), a região era isolada do centro da capital e formada por uma paisagem de campos. A combinação garantia uma vista privilegiada da cidade, que ainda é uma das características do bairro. Conheça um pouco mais do bairro!

Praça das Nações

A praça é um dos lugares preferidos para passar o final da tarde ou mesmo ver os fogos no réveillon devido à vista privilegiada do centro da cidade. Ali fica o mural criada por Potty Lazzarotto e executado por Adoaldo Lenzi, no ano de 1996, que retrata o abastecimento de água da cidade de Curitiba. Existe também alguns brinquedos para as crianças.

Crédito: Fotografando Curitiba

Praça do expedicionário

A praça do expedicionário chama atenção de quem passa pela presença de um avião de caça P-47 Thunderbolt (nave utilizada pelas forças brasileiras na Itália). Trazido dos campos de batalha, o avião foi instalado em 1969 e é um dos únicos três exemplares ainda preservados no Brasil. Na praça fica também o Museu do Expedicionário: um resgate da memória dos mais de 1.500 combatentes paranaenses.

Desde o final da Segunda Guerra Mundial, em 1945, até 1980, o prédio onde hoje é o Museu foi a Casa do Expedicionário: local que oferecia assistência ao ex-combatentes: atendimento médico, encaminhamento para emprego e o que mais fosse necessário para ajudar na readaptação à rotina civil.

Na praça acontece feira orgânica toda quarta-feira das 07h às 12h.

Dona Helena

O restaurante Dona Helena tem 20 anos de historia mas os donos, descendentes da familia Madalosso, tem a culinária em suas veias por muito mais tempo. O lugar tem buffet de terça a sexta das 11h30 às 14h30 e sábados e domingos das 11h30 às 15h, com grande variedade de massas, saladas, carnes e também buffet completo de sushis e sashimis de salmão e de peixe branco. De terça a domingo a partir das 18h o restaurante fica disponível para eventos.

O Dona Helena fica na Rua XV de Novembro, 1951.

Restaurante Dona Helena

Foto: Divulgação

NewYork Café

Um dos mais charmosos cafés de Curitiba, o New York fica na Rua XV de Novembro, 2916. A cidade que deu nome ao estabelecimento inspira desde a decoração até o cardápio, que conta com waffles, onion rings e muitas opções de chá gelado, como o Iced Dolce Latte (latte gelado, doce de leite e essência de caramelo) e o Iced Peppermint Mocha (mocha gelado com essência de menta). O lugar e uma ótima opção para quem tem restrições alimentares, como vegetarianos, veganos e intolerantes à lactose. O New York Cafe funciona de segunda a sábado das 15h ás 23h.

Restaurante Straveganzza

Ideal para quem tem uma dieta vegan, o Straveganzza é um restaurante que dá atenção aos mínimos detalhes. O cliente é recebido com minitorradas, patês feitos na casa e água saborizada. No terreno do restaurante, existe uma horta de onde vem temperos e as flores e ervas utilizadas na decoração dos pratos. Na mobília, peças adquiridas a partir de reciclagem completam o ambiente aconchegante.

Prainha da Itupava

Novo point de Curitiba, o trecho da rua Itupava onde rua cruza com a linha do trem conta com sete bares que seguem a dinâmica de consumo a céu aberto da Vicente Machado, Trajano Reis e Shopping Hauer. O bônus do apelidado “Shopping Itupava” é que é mais tranquilo, com espaço para mesas e cadeiras.

O primeiro bar do local foi o Sí Restobar, o carro chefe do estabelecimento é o hambúrguer mas possui um cardápio variado. Para beber, coquetéis clássicos, releituras e vinhos.

Foto: Sí Restobar

O tailândes Khob Khun possui grande variedade de pratos. Ainda no tema asiático, Nomiya é um bar japonês que serve drinques acompanhados de espetinhos grelhados. O bar Banzai Craze tem opções de harumaki, espécie de rolinhos primavera, mas o foco é a releitura de drinks, feitas pelo bartender Victor Kim, e os shots, chamados de Japitos.

Para os cervejeiros, a Golden Mile tem 24 torneiras de chope. Os preços são a partir de R$10. A hamburgueria Johnny Braza tem seis opções. O carro chefe que leva o mesmo nome do estabelecimento é feito no pão caseiro com hambúrguer de 160 g de alcatra e gordura de picanha, molho barbecue, bacon crocante, duas fatias de cheddar e cebola roxa (R$ 25 só o sanduíche e R$ 30 com batata).

O Hike é especializado no poke, prato típico havaiano que leva peixe cru cortado em cubos e servido em uma tigela com arroz ou folhas, molho (em geral à base de shoyu) e acompanhamentos como frutas e algas. A carta de bebidas é a  mais extensa da prainha da Itupava, com cervejas, chopes, doses, drinks clássicos, drinks da casa e vinhos

Foto: Divulgação

Além da Prainha

Além dos bares da prainha, também na Itupava, subindo em direção à Av. N. Sra da Luz, vale conhecer a La Champagneria, que tem uma enxuta carta de coquetéis assinada pelo bartender Igor Bispo, com drinks de R$ 18 a R$ 36. Para comer, o lugar é uma boa pedida para quem gosta de frutos do mar, com destaque para as tapas.  Na frente, fica a Vila Yamon, polo gastronômico com oito operações: Fábrica Gourmet, King Temaki,  Cookie Stories, El Toro Tapas, Lo Buda, Vindega41, Gin Time e Bode Brown. O Canabenta, tradicional bar de curitiba, com carinha de boteco tem um cardápio super brasileiro: muito petiscos, beliscos, porções, sanduíches, cervejas, chopes e cachaças.

Foto: Vila Yamon

Para maiores informações sobre os lugares que você quiser visitar ou até para outras promoções, basta baixar o App Onde Ir Curitiba! Aproveite!
  • Booking.com

Fazer um Comentário